terça-feira, 5 de janeiro de 2016



Quero misturar o sonho com a realidade

Construír um castelo de beleza

Onde o amor vive abraçado ao sonho

E a realidade ignora a tristeza.

Ambos vagueamos no seu interior risonho

mãos escorreram lentamente as agruras

E nelas só bailam impunes as ternuras.

O caminho despojou-se da negritude

Jorraram cores belas da paleta da vida

Em que notas de musica se conjugam

E compõem a partitura mais ouvida.

Acontece a realidade da união

Em que aparece lentamente o sonho

Que celebra...

A junção do teu com o meu coração.


Garça Real
http://lagoreal.blogspot.com.br

4 comentários:

Nal Pontes disse...

Linda poesia, bom dia pra vc querida Evanir. Bjs

Cristina Sousa disse...

Olá Evanir, lindo poema, um hino ao AMOR.

Um Ano cheio de amor é o que te desejo.

Beijo carinhoso

Pedro Luso disse...

Olá Evanir.
É sempre muito bom receber sua visita em meu blog. Obrigado.
Parabéns pelo poema.
Abraços.

Rubia Kenes disse...

Oi amada que lindo poema! parabéns eu adoro todos seus poemas! com amor! sempre!
Rúbia
Beijinhosssssssssss